Halloween – Ensinando extorsão e vingança para crianças

Xuxa e os DuendesEu não acredito em bruxas. Nem em duendes, leprechauns, fadas, magos, adivinhos e óbvio, na Globo. Hoje é comemorado o dia das bruxas, nos EUA Halloween e é uma herança dos povos celtas (pois é, nada de bom vem de um Celtinha), e dizem que tem ligação com o termo “Allhallow-eve“, que vem do “hallow evening” (noite sagrada) e da festa nessa noite “Hallow Evening Hallowe’en Halloween”. Aí dá aquela contraída no termo (o povo que fala inglês é preguiçoso para falar não é de Celtahoje, diminui todas palavras ASAP). O Allhallow-eve é a véspera do Dia de Todos os Santos. Mas também pode ser do termo All Hallows’ Eve, sendo esta uma festa que a igreja católica arrumou pra sumir com a festa pagã Samhain. Se a parada é celta, então chegou aos EUA pelos irlandeses, que acreditam nos leprechauns com potes de ouro no fim do arco-íris.

Mas bem antes de chegar nos EUA, lá pelos anos 600 a 800 AC, os verdinhos irlandeses comemoravam esse Samhain em um festival entre 30 de outubro e 2 de novembro, e simboliza o fim do verão (que é o significado da palavra). Mas aí a parte da bruxaria começou daí para frente, mas não se sabe ao certo como. Em algum momento os druídas, seita pagã celta, começaram a juntar a esse dia com cultuar a morte, que era um lugar de felicidade sem dor, e foi misturando o druidismo e catolicismo da invasão romana e começou toda a questão de mortos voltarem para visitar os amigos e se bobear arrumar um corpo dando bobeira para voltar a vida, e por isso a galera tinha que assustar os espíritos assombrando eles (sério isso?) com fantasias, barulhos e iluminação fraca. Ok. Tem quem acredite que essa festa não tem nada a ver com isso e sim com uma festa de comemoração católica aos santos que já foram pro lado de lá e é no mesmo dia e é só isso. Tá.

Bruxa do 71A modernização da parada é engraçado que tem ligação com o Guy Fawkes, lembrado pelo V, de V de Vingança, aquele baita quadrinho e filme, onde o Guy Fawkes tentou um atentado ao Parlamento Inglês, por causa da opressão dos protestantes contra os católicos. Aí negada inglesa ficou comemorando o 5 de novembro com máscaras. E nos EUA uniram a tradição do dia das bruxas com a ideia de se mascarar para Guy Falwkes e pronto. Temos um dia de festa maluca com pais incentivando crianças prometerem vingança a quem não os presentear com doces (trick or treat – doces ou travessura), que era uma prática comum na Inglaterra (pedir os bolinhos, não ameaçar com travessuras).

aboboraE a abóbora é o Jack O’Latern, um bebum que foi condenado a carregar uma lanterna dentro de um nabo (e depois uma abóbora nos EUA) para iluminar a caminho do coiso ruim pelo limbo, tipo o último estágio antes de cair direto no inferno. E as bruxas, de acordo com a lenda, se reuniam nesse dia para cultuar o coiso e fazer arruaça. As bruxas antigamente eram na verdade os metidos a adivinhos e macumbeiras que o povo cristão condenava a fogueira, igual nos desenhos, mas que perdurou a lenda. Não sei por que aqui no Brasil ( e alguns povos latinos) comemoramos como dia das bruxas ao invés de dos mortos, e achei tão imbecil que nem me meti a procurar pela informação.

Como o que não falta é gente doida e gente querendo mexer com o demo e o oculto, várias seitas ocultistas resolveram levar o dia a sério e meter bronca com macumba nesse dia aê, também.

Aqui no Brasil o povo nacionalista inventou de dia 31 de outubro ser o dia do Saci, outro bicho que não existe e ninguém consegue definir se é do bem ou do mal. Aff.

bruxaEnfim, depois disso tudo, eu só posso concluir que: POR QUE RAIOS NÓS FICAMOS COMEMORANDO UM RAIO DE DIA QUE SÓ TEM COISA RUIM, DO MAU, COM UM BANDO DE BICHO QUE NÃO EXISTE – E AINDA BEM QUE NÃO EXISTE – E PIOR, BOTAMOS CRIANÇAS PARA BRINCAR DE EXTORSÃO E VINGANÇA CONTRA PESSOAS QUE NÃO SABEMOS BULHUFAS DE QUEM SÃO? POR QUE ACHAMOS ENGRAÇADINHO UMA CRIANÇA ESCULPIR UMA REPRESENTAÇÃO DE ALGUÉM QUE ESTÁ VAGANDO NO INFERNO? ALIÁS, POR QUE CANTAMOS PARA CRIANÇAS QUE UM BOI DA CARA PRETA VAI PEGAR A GENTE, QUE A CUCA VAI PEGAR A GENTE, E LOGO NA HORA QUE ELA VAI DORMIR E SOZINHA?

Bruxa do OesteCara, as vezes nós estamos tão acostumados com certas coisas que a gente nem percebe… eu sou cristão, mas acho que não precisa ser cristão para perceber que coisa ruim atrai coisa ruim, e nem tenho filho, mas prometo que nunca vou falar para ele que vou largar ele indefeso contra monstros do capiroto. Nem vou ensiná-lo rituais de extorsão e prometer vingança. Pica-Pau então nem pensar. Há uma pesquisa feita por uma amiga minha que mora lá em Praia Grande que as canelas de parentes são muito mais chutadas depois que as crianças começam a ver Pica-Pau. MEDO!

 

Obs: tudo que escrevi aqui é baseado em vários sites, e não somente no Wikipedia, então se tem algo de errado, vai reclamar com eles… e como já fechei as abas, nem vou dizer quais foram os sites. Tá, é errado isso de não citar fontes, mas é o que tá tendo. Preguiça.

 

Comentários do Facebook (Disqus tá lá embaixo)

Comentários do Facebook

Gobbo

Há muito tempo atrás, numa galáxia muito distante (conhecida como Espírito Santo, no Brasil, acredite, esse lugar existe!), Gobbo perambulava por uma calçada quando, sem saber, andou em sincronia perfeita no tempo e espaço com um antigo ritual da tribo Roken Row, que despertou índios em estado inanimado em uma caverna do Téquissas, e então ele se transformou em… nada. Continuou sendo o mesmo cara, mas uma antiga profecia Roken Row diz que aquele que acionar os índios através do ritual, deve ser munido de toda cultura inútil quanto possível, para que assim ele possa fazer algo que não se sabe o que, mas que trará um grandioso resultado, que não se tem idéia. E desde então ele vem sendo observado sem notar, e tem absorvido uma quantidade absurda de informação desnecessária, tornado-o em: um cara comum qualquer que passa do seu lado e você nem nota.