Comicando: Colecionador de Memórias por Victor Moura

Sim, você ouviu a gente conversar com o Victor Moura e ouviu um pouco sobre o Colecionador de Memórias – se não, ouça aqui – e ontem chegou a minha, portanto tô aqui para falar dela para vocês. O Orelha já tinha dado umas olhadas em alguns previews do material, por que ele é muito pentelho e cara de pau, mas eu que nem vejo trailer de filme, não quis saber e esperei um bocadinho.

E foi bacana! A graphic novel é bem legal, vê-se o suor de Victor Moura ali. Nem sempre a gente consegue perceber em um trabalho de quadrinhos que o autor ficou matutando sobre aquela frase. Eu senti ele parado olhando alguns minutos pensando nas melhores palavras e tal, mostrando o carinho dele com a obra. Talvez seja por eu conhecer  um pouco o Victor e ficar na torcida, ou talvez seja isso mesmo e ele perdeu tempinhos em palavras chave. Tenho certeza que ele vai responder isso nos comentários rs.

Eu não sou um crítico de quadrinhos e nem entendo das técnicas envolvidos nos processos da criação de um produto da nona arte, portanto vou me limitar a fazer o que sempre tenho feito nos comicandos: falar alguma coisa sobre a história, sem spoilers, e falar se vale ou não.

Bom, se trata de uma história de fantasia, com heróis e vilões, mas eu não diria muito que é uma história de super herói, embora hajam super poderes e algum misticismo. É algo mais sóbrio, mas sem ser sério demais ou massante. A própria arte – que é dele mesmo, do traço à cor – é bem madura, mas sem perder a fantasia, e bom, está belíssima. Tarefa árdua não dar spoiler rs… vou deixar a sinopse escrita no livro então que eu me arrisco menos:

Dentre as criaturas mais antigas, poucas sobreviveram à virada do tempo e menos ainda sobreviverão à chegada da noite. O Colecionador de Memórias age de dentro de sua prisão. Quando antigos inimigos decidem reunir os Cinco Itens da Morte, cabe a ele e a seus aliados investigarem.

Sacou então? Então… vou deixar as duas primeiras páginas no final do post também para você dar uma olhada. Enfim, eu recomendo, e para você adquirir – ao custo de R$ 30,00 + frete – é só falar direto com o cara pelo facebook mesmo clicando aqui! Se você curtiu a graphic novel, vale a pena comprar também a máscara de um dos personagens. É um baita de um souvenir confeccionado em couro pelo próprio Victor Moura. Fica muito bem na estante! O custo é de R$ 60,00 e a produção é limitada, então CORRE! Eu comprei a HQ e a máscara, se você está interessado em saber. E se não está, problema.

colecionador_pag2

colecionador_pag3

Comentários do Facebook (Disqus tá lá embaixo)

Comentários do Facebook

Gobbo

Há muito tempo atrás, numa galáxia muito distante (conhecida como Espírito Santo, no Brasil, acredite, esse lugar existe!), Gobbo perambulava por uma calçada quando, sem saber, andou em sincronia perfeita no tempo e espaço com um antigo ritual da tribo Roken Row, que despertou índios em estado inanimado em uma caverna do Téquissas, e então ele se transformou em… nada. Continuou sendo o mesmo cara, mas uma antiga profecia Roken Row diz que aquele que acionar os índios através do ritual, deve ser munido de toda cultura inútil quanto possível, para que assim ele possa fazer algo que não se sabe o que, mas que trará um grandioso resultado, que não se tem idéia. E desde então ele vem sendo observado sem notar, e tem absorvido uma quantidade absurda de informação desnecessária, tornado-o em: um cara comum qualquer que passa do seu lado e você nem nota.

  • VicMoura

    Cara, que maravilha é receber esse feedback positivo de vc. Digo q vc definiu bem o suor e carinho q coloquei em cada traço e fala dessa HQ. Me amarro demais no trabalho de vcs!! 🙂

    • Adriano Gobbo

      Cara, meus parabéns… invejo sua capacidade… eu tinha um caderno com histórias em quadrinho quando eu era molequinho, e acho que hoje não conseguiria reproduzir o que fazia naquela época, com 10 anos… rs

      Aguardo seus futuros trabalhos!!!!